Nicki Minaj está organizando sua agenda para visitar o seu país natal Trinidad o mais rápido possível depois da inundação.


Nicki Minaj continua a se orgulhar de sua ilha natal que fez dela a rapper de hoje. Trinidad, o país que está localizado na parte inferior da cauda do Caribe foi duramente atingido por uma enorme inundação, fazendo com que muitos perdessem tudo, deixando as pessoas sem nada. “Algumas partes em Trinidad estão ok, mas um grande número de áreas se parece com isso e pior e as pessoas perderam tudo o que possuem”, escreveu Nicki ao lado de uma foto de uma casa com água quase chegando ao topo da porta.

O longo post de Nicki explica como “no desastre, a bênção da união é tão forte”, pois as pessoas que não têm nada estão fazendo tudo o que podem para ajudar o próximo e os que sofrem mais. Aparentemente, o país não está sob vigilância climática séria e o dilúvio é simplesmente de três dias de chuva constante.

“Há muitas pessoas do exterior perguntando sobre assistência, mas eles não viram nenhuma informação sobre como fazer isso, então vamos reunir as informações que pudermos e colocá-las em um próximo post”, escreveu Nicki. “Obrigado por todas as orações.”

A rapper confirmou que está organizando sua agenda para viajar o mais rápido possível ao país para poder ajudar a sua localidade com o que for necessário, a rapper pediu para todos os fãs da localidade entrar em contato com sua mãe Carol Maraj ou por essa conta no twitter para conseguir suplementos, Minaj diz está ciente que o país necessita de material de limpeza, água, roupas e muito mais e já fez sua primeira doação hoje(26) e está trabalhando para conseguir mais suplementos para as vítimas da inundação.

Nicki Minaj mais uma vez está ajudando a pessoas e fãs em problemas pessoais, a rapper já pagou toda a mensalidade da Faculdade de milhares e milhares de fãs por meio do seu projeto, além de outras necessidades como comprar livros, acessórios e ferramentes que lhe ajudem no estudos.
Compartilhar no facebook twitter Google tumblr pinterest

Entradas similares

No se permiten nuevos comentarios