Nicki Minaj na lista das 25 mulheres que foram despedidas do emprego e tiveram sucesso na carreira, pela revista New York Magazine.


Despedir-se de um trabalho que você ama (ou até mesmo odeia) pode ser estressante e cansativo, sobretudo porque exige mudança. Abaixo, confira as mulheres inteligentes e bem-sucedidas que compartilharam sua experiência de ser despedida do trabalho, e que isso lhe as tornou mais fortes em seus respectivos trabalhos atuais - em Hollywood, nos negócios, na política e nos meios de comunicação. Leia sobre as histórias de Anna Wintour, Kerry Washington, Nicki Minaj, Hari Nef, e muito mais.
Nicki Minaj
"O último trabalho que tive foi como uma gerente de escritório em um quarto pequeno, onde eu literalmente queria estrangular esse cara, porque ele era tão alto e desagradável. Eu ia para casa com dores de cabeça, estresse em meu pescoço e minhas costas. Foi quando eu disse para minha mãe: 'Olha, eu não vou voltar para o trabalho.' Eu tinha sido despedido já 15 vezes porque eu tinha uma atitude horrível. Eu trabalhei no Red Lobster (Restaurantes no Estados Unidos) antes disso e eu persegui um cliente fora do restaurante uma vez, porque ela pegou minha caneta, quando conseguir alcançar eu "enfiei" meu dedo médio para cima dela e exigir que ela me dê a minha caneta de volta. Juro por Deus que eu era ruim."- Billboard , novembro 2010


Compartilhar no facebook twitter Google tumblr pinterest

Entradas similares

No se permiten nuevos comentarios